FNCP - Fórum Nacional Contra a Pirataria
Imposto cresce crime agradece
Flávio Meirelles - Presidente e fundador do IMEPPI - Instituto Meirelles de Proteção à Propriedade Intelectual - Novo associado do FNCP
ENTREVISTA - Flávio Meirelles - Presidente e fundador do IMEPPI - Instituto Meirelles de Proteção à Propriedade Intelectual - Novo associado do FNCP.
FNCP - Quando foi fundado o Imeppi e quais são os principais objetivos do Instituto? 

Flávio Meirelles - O IMEPPI foi fundado em 15 de novembro de 2005, em decorrência da ampliação de uma atuação institucional, na defesa dos interesses de setores produtivos e comerciais do Brasil, nos temas relativos aos direitos da propriedade intelectual. Tendo em vista o crescente volume de importações ilegais e a prática de outros delitos relacionados ao tema, posicionamos nosso instituto no estudo de mercado e desenvolvimentos de projetos ligados à programas de combate à ilegalidades e à defesa comercial. Podermos destacar, entre seus principais objetivos, a promoção de ações que visem coibir a concorrência desleal e a pirataria, defesa dos interesses e direitos de consumidores, na busca de ampliação no combate à falsificação e comércio ilegal, uma maior representatividade institucional perante órgãos públicos e setoriais, através de diálogos e troca de experiências entre entes públicos e privados, além do acompanhamento nas áreas de propriedade intelectual e inovação, em especial marcas, patentes e desenhos industriais. 

FNCP - O que o Sr atualmente considera como urgente para o sucesso no combate à pirataria e a defesa da propriedade intelectual no Brasil? 

Flávio Meirelles - Ao tratar o tema sobre combate à pirataria e defesa da propriedade intelectual, entendo e condiciono seu sucesso à priorização na atualização e implantação de maior regulamentação no trato da qualidade de produtos - Normas Técnicas, capitaneadas pela ABNT; revisão e atualização das "ferramentas" que possam contribuir no cumprimento da legislação vigente, ampliação no relacionamento entre as entidades públicas de fiscalização e repressão com as entidades representativas do setor privado, além, claro, do desenvolvimento de campanhas de conscientização do consumidor, em especial dos prejuízos e riscos à saúde que estes produtos podem trazer a ele e sua família. 

FNCP - O Imeppi já participava de várias atividades do FNCP. Qual a expectativa agora com a recente filiação? 

Flávio Meirelles - Inicialmente, poder dar continuidade e auxílio nas iniciativas já desenvolvidas sob a liderança do FNCP, tendo em vista estar entre as entidades de maior atuação no combate à pirataria. Por considerar que, sob sua coordenação, as diversas entidades do setor privado interessados na busca da legalidade, promovem atuações ordenadas e especialmente de interesse comum - tratadas em um legítimo forum de discussão, sua importância neste cenário fica potencializada através da transparência e seriedade na aproximação aos entes públicos. 

Saiba mais sobre o IMEPPI -  http://www.imeppi.org.br/
Brasil Original twitteryou tubefacebook
Bookmark and Share
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1690, conjunto 22, 2º andar
Jardim Paulistano, São Paulo - SP, CEP: 01451-001
(11) 2533-3415 / 2528-1552 | secretaria@fncp.org.br